agosto, 2019

24ago14:0018:00Apresentação do Documentário Marcus Garvey

Mais

Detalhes do Evento

Projecto UBUNTU Apresenta | Cine UBUNTU Afro

Dia:24 Agosto 2019
Horas: 14:00
Procure por mim na Tempestade
Documentário Biográfico sobre a vida e obra de Marcus Garvey
Local:Mediateca 28 de Agosto (Largo das Escolas)
Comentador:Professor Reinaldo Santana (Brasil)
Entradas:500 Kzs Direito a água, Frutos e Kitutes da Terra

“Seu nome é Marcus Mosiah Garvey que, apesar da imensa luta pela liberdade e igualdade do negro, segue ainda como um verdadeiro desconhecido em todo o mundo. Homem sobre o qual muito pouco, ou quase nada, ouvimos falar em nossos meios de comunicação, mas cujo trabalho foi forte e influente o bastante para fazer com que Malcom X e Martin Luther King se inspirassem em sua luta e movimentassem os Estados Unidos inteiro.
Homem que agitou o mundo de tal forma que torna-se estranho o fato dele sequer ser mencionado nos meios de comunicação ou até mesmo nas escolar. Não há nenhuma referência sobre ele nos livros didáticos. Marcus Mosiah Garvey (Saint Ann’s Bay, Jamaica, 17 de agosto de 1887 – Londres, 10 de junho de 1940) foi um comunicador, empresário e ativista jamaicano. É considerado um dos maiores ativistas da história do movimento nacionalista negro.
Garvey liderou o movimento mais amplo de descendentes africanos e é lembrado como o principal idealista do movimento “de volta para a África”, inclusive, seu nome é citado em músicas de vários artistas como Burning Spear e Bob Marley. Ele criou um movimento de profunda inspiração para que os negros tivessem a “redenção” da África e para que as potências coloniais europeias desocupassem o continente.
Garvey fundou em 1914, a Associação Universal para o Progresso Negro ou AUPN (Universal Negro Improvement Association, mais conhecida como UNIA). O lema da instituição era “One God! One Aim! One Destiny!”, em português, Um Deus! Uma aspiração! Um destino!
Os objetivos da UNIA eram:
– A promoção da consciência e unidade na raça negra, da dignidade e do amor;
– O desenvolvimento da África, livrando-a do domínio colonial e transformando-a numa potência;
– Protestar contra o preconceito e a perda aos valores africanos;
– Estabelecer instituições de ensino para negros, onde se ensinasse a cultura africana também;
– Promover o desenvolvimento comercial e industrial pelo mundo;
– Auxiliar os despossuídos em todo o mundo.”

” Se 400 milhões de negros pudessem somente conhecer a si mesmos, saber que neles há uma força soberana, uma autoridade absoluta, então nas próximas vinte e quatro horas nós teríamos uma nova raça, nós teríamos uma nação, um império – ressurgido não pela vontade dos outros de nos ver crescer, mas por nossa própria determinação para crescer, independente do que o mundo pensa.”

~Marcus Garvey
Pan-Africanista,Filosofo,historiador,Empresário,
Visionário,Continentalista

Projecto UBUNTU 2019
Universidade HIPHOP 2019
Mediateca REMA 2019
BlackFlix 2019
#Mês_Garvey_Agosto
#Liderança_Preta
#UNIA

Hora

(Sábado) 14:00 - 18:00

Localização

Mediateca de Luanda

Largo das Escolas, Luanda, Angola

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

X